MÚSICAS CLASSIFICADAS PARA A ETAPA ELIMINATÓRIA DO FESTIVAL ANTENSE DA CANÇÃO

A equipe organizadora do XXVI Festival Antense da Canção torna pública a lista de músicas classificadas, em ordem de apresentação, para a sua Etapa Eliminatória:

1 – Floreana – Luiz Moraes

2 – Pássaro – Beto Jobim

3 – Pensa Logo – Mário Iso

4 – Batalhador – Rômulo Pitzer e SapSamba

5 – Com as bênçãos do Universo – Luiz Moraes

6 – Albatroz – Telma e Robson

7 – S.O.S. – Beto Chocolate e Sebastião Pádua

8 – Velas ao Vento – Marco Antonio Bouquard

9 – O trem de Sapucaia – Sergio Gomes

10 – Um Palhaço – Cassiano Andrade

11 – De volta pra casa – Trem Violado

12 – O clamor da solidão – Felipe Muniz

13 – Raso – Leandro Saucer

14 – Almas Gêmeas – Patrick Monnerat

15 – Meu Anjo – Haron Azevedo

16 – De Poesia e Pão – Juçara Freire

17 – Desacelera o Frevo – Cassiano Andrade

18 – Salve – Patrick Monnerat

19 – Não dá – Haron Azevedo

20 – Nobreza – Olga Monnerat

21 – Louco Por Vc – Toni Nascimento

22 – Novo Éden – Felipe Muniz

23 – Capivara – Lucas Ghetti

24 – Bilhete Perfumado – Alice Hagge

25 – Vou-me Embora – Trem Violado

26 – Morada de Ninguém – Juçara Freire

27 – O Amor está no ar – Leandro Lucken

28 – Mãe Terra – Eva e Banda

29 – Meu Legado – Telma e Robson

30 – Mutação – Daltom Santos

A Etapa Eliminatória ocorrerá no dia 27 de julho (sábado), a partir das 13h, impreterivelmente, na Praça Vitorino José de Souza, em Anta. Qualquer atraso sem aviso prévio acarretará na desclassificação da canção.

A passagem de som para os músicos do município de Sapucaia será no dia 26 de julho (sexta-feira), das 17h às 19h, na Praça Vitorino José de Souza. Para os músicos de fora da cidade, será no dia 27 de julho (sábado), das 9h às 12h, na Praça Vitorino José de Souza.

A passagem de som é importante, mas não obrigatória, para que seja salva a cena de cada música. Aquele que não passar o som, não poderá ensaiar durante a apresentação.

Os músicos devem trazer os instrumentos afinados. O volume e a equalização dos instrumentos deverão ser mantidos de acordo com a passagem de som, não sendo responsabilidade do técnico de som qualquer alteração, uma vez que a cena será salva de acordo com cada instrumento, com volume, afinação e equalização durante a passagem de som e ensaio.

Cada baterista deve levar seus pratos, caixa e material individual.

A organização do Festival disponibilizará cubos (baixo e guitarra), corpo da bateria, microfones, quatro vias de monitores e side.