Prefeitura de Sapucaia segue trabalhando para evitar a propagação do Coronavírus na cidade

A Prefeitura de Sapucaia, através da atuação coordenada de suas secretarias, segue trabalhando para combater a propagação do Coronavírus na cidade. Sempre pautado pelas recomendações do Ministério da Saúde e do Governo do Estado, o Executivo municipal realizou, até o momento, diversas ações de enfrentamento e de prevenção à Covid-19, dentre as quais  a criação de um Gabinete de Crise para fazer frente às situações emergenciais; a elaboração de decretos suspendendo as aulas, a feira livre e o atendimento ao público nas repartições municipais (os servidores públicos trabalham internamente); decreto suspendendo o funcionamento do comércio, mantendo apenas as atividades consideradas essenciais; corte no salário do prefeito em 40% e do vice-prefeito e secretários em 30%; prorrogação do pagamento do IPTU e outras taxas; compra de cinco respiradores e equipamentos para compor leitos de UTI; e transparência nas informações e campanhas de orientação às medidas preventivas. 

Além disso, a Secretaria de Saúde permanece na tarefa incansável de investigação, monitoramento e acompanhamento de casos suspeitos; limpeza e desinfecção de vários pontos de aglomeração na sede e nos distritos, como praças e pontos de ônibus; palestra de orientação às empresas e estabelecimentos de funcionamento essencial; e apoio ao trabalho da Guarda Municipal e da Secretaria de Obras, em conjunto com outras Secretarias, nas ações de ordem pública para enfrentamento da pandemia.

O prefeito Fabrício Baião agradece o apoio de todos e pede à população que permaneça em casa: “Estamos fazendo tudo o que está ao nosso alcance para proteger os moradores e minimizar os efeitos desse problema que o mundo todo vem enfrentando.  Pedimos à população que colabore conosco e continue se prevenindo. Usando máscara se precisar sair. Mas sempre que possível, ficando em casa. Vamos proteger nossa cidade e nossa família. Deus está no controle. Juntos, vamos vencer essa crise”, disse Fabrício.

Skip to content