Sapucaia realiza VIII Conferência Municipal de Saúde

A Prefeitura de Sapucaia, através da Secretaria Municipal de Saúde e do Conselho Municipal de Saúde, realizou hoje, dia 03 de abril, a VIII Conferência Municipal de Saúde do município. Com o tema “Democracia e Saúde: Saúde com direitos e consolidação e financiamento do SUS”, o evento aconteceu na Casa da Cultura de Sapucaia, contando com a presença de lideranças políticas, empresariais, institucionais e da população sapucaiense. O prefeito Fabrício Baião e o vice-prefeito, Francisco de Assis Cavalcante (Chiquinho), participaram da Conferência, juntamente com o presidente da Câmara de Vereadores, Rildo Rodrigues; a secretária de Saúde, Maria Betânia Pessoa de Paiva; o presidente do Conselho Municipal de Saúde, Joel Alves Neto; o vereador Gleidinho e outros vereadores da cidade; além do médico e ex-prefeito Dr. Francisco Oricchio, referência de Saúde em Sapucaia.

Em seu pronunciamento de abertura da cerimônia, Fabrício Baião falou sobre os desafios que seu governo vem enfrentando. “Estamos vivendo um dos momentos mais difíceis da história desse país e temos sobrevivido lidando com o desafio de colocar as contas do município em dia; administrar a folha de pagamento dos servidores, que estava comprometida; e limpar o nome da cidade, para que pudéssemos voltar a receber emendas e projetos. Já abrimos a licitação para retomar as obras do nosso tão sonhado hospital, que vão começar em breve, e vamos renovar a frota de veículos do município, comprando carros para a Saúde, Assistência Social e Meio Ambiente. Estamos resolvendo os problemas, organizando as coisas e procuramos agir sempre com responsabilidade, profissionalizando os processos. Vamos governar para agora e para o futuro. Até aqui Deus no abençoou. Temos um compromisso com a população e acredito que o município vai evoluir muito daqui para frente”, ressaltou.

Rildo Rodrigues afirmou que a Câmara está de portas abertas pra fazer o melhor para a  cidade e que todos os projetos da área da Saúde que chegam são logo analisados, pois é preciso agilidade. “Este hospital é um sonho antigo do nosso município e temos capacidade para fazer de Sapucaia um exemplo e referencial na Saúde do estado do Rio”, declarou.

Já a secretária Betânia disse que aceitou o desafio do cargo por acreditar no SUS. “Este evento de hoje é a consolidação do nosso trabalho. Vamos conseguir melhorar a saúde, pois temos uma equipe muito boa, com excelentes profissionais. Agradeço o empenho todos vocês, da ponta, pois sem o apoio de nossos funcionários seria impossível atuar”, disse.

Joel Alves Neto falou sobre o trabalho do Conselho Municipal de Saúde, do qual é presidente, que opera de forma importante para que a Saúde do município se desenvolva. “O Conselho está aqui para contribuir e agradeço a todos os conselheiros, não remunerados, que têm colaborado para as melhorias na área. Nosso compromisso é com a população e, reunindo nossas forças, podemos oferecer bons serviços para a cidade, atuando para que tenhamos sempre profissionais capacitados”, destacou.

Agradecendo o trabalho de todos os funcionários do município, o vice-prefeito Chiquinho ressaltou a dificuldade que a Prefeitura tem enfrentado e disse que é preciso força e sabedoria para colocar Sapucaia em destaque no estado. “Temos que honrar a confiança que a população depositou em nós através da realização de um trabalho honesto e sincero”, disse.

O vereador Gleidinho ressaltou que este é um assunto de muita importância para o município. “Saúde é fundamental, uma preocupação que temos que ter em todo tempo. É importante também valorizar e incentivar nossos funcionários, pois quem sai ganhando é a cidade. Vamos trabalhar então pela Saúde no município”, afirmou.

Já Dr. Francisco Oricchio falou sobre sua trajetória de vida pessoal e profissional e de seu orgulho em ser filho de Sapucaia e de te ter conseguido trilhar na cidade o seu caminho. “Sou daqui desta terra e quero o melhor sempre para Sapucaia”, disse.

Após a leitura do Regimento Interno, a Dra. Dilian Hill, do Cosems RJ (Conselho de Secretarias Municipais de Saúde do Estado do Rio de Janeiro), ministrou a palestra “Saúde como direito”. Em seguida, o advogado e especialista em Direito Público, Dr. Iuri Fernandes de Castilhos, apresentou a segunda palestra do dia: “Legislação do SUS – Sistema Único de Saúde”. Em seguida, o espaço foi aberto para debate.

Na parte da tarde a VIII Conferência Municipal de Saúde de Sapucaia teve continuidade com a apresentação dos eixos e divisão dos grupos de trabalho, sendo o Eixo 1: “Saúde como direito” Eixo 2: “Consolidação dos princípios do SUS”; e Eixo 3 “ Financiamento adequado e suficiente para o SUS”.

Ao final do evento foi realizada a plenária final e eleição dos delegados, que irão participar da Conferência Estadual: Marciel e Ana Paula (Gestão); Simone, Wanda e Marcelo (Instituições); Luiz Antônio e Gabriela (convidados); Iran e Ian (profissionais da Saúde).

Comunicação PMS

Fotos: Sindiclei Baião