Sapucaia recebe apresentação sobre financiamento da Agricultura de Baixa Emissão de Carbono

 

Nesta quarta-feira, dia 28 de novembro, o Sindal (Sindicato das Indústrias de Alimentação de Três Rios, Paraíba do Sul, Sapucaia, Areal, Comendador Levy Gasparian e São José do Vale do Rio Preto) e a Firjan (Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro), promoveram na Casa da Cultura de Sapucaia a apresentação do Plano ABC – Financiamento da Agricultura de Baixa Emissão de Carbono no Rio de Janeiro. A iniciativa contou com o apoio da Prefeitura de Sapucaia, através da Subsecretaria Municipal de Agricultura, e do Sebrae. Na ocasião, o público presente teve a oportunidade de conhecer o Plano, saber como ter acesso ao crédito rural e vislumbrar os ganhos econômicos trazidos por ele.

O Plano ABC é um instrumento de integração de ações dos governos (federal, estadual e municipal), do setor produtivo e da sociedade civil, elaborado com a finalidade de organizar e planejar as ações a serem realizadas para a adoção de tecnologias de produção sustentáveis, atendendo aos compromissos de emissão de gases de efeito estufa no setor agropecuário. Tem como meta a consolidação de uma economia de baixa emissão de carbono na agricultura do estado do Rio.

Várias entidades se colocaram como parceiras do projeto, como Emater, Inea, Mapa e Sebrae, entre outros. O presidente da Firjan, Alceir Corrêa, e o assessor de Agronegócios do Banco do Brasil, Luciano Gonçalves, explicaram detalhes do plano e as vantagens das linhas de crédito para os produtores sapucaienses, apresentando vários cases de sucesso e esclarecendo dúvidas. Já o engenheiro elétrico Vagner Duarte falou sobre a questão da energia solar.

A subsecretária municipal de Agricultura, Roberta da Costa Pereira, agradeceu a presença dos produtores e autoridades presentes e o prefeito Fabrício Baião destacou a importância da manutenção da lei de incentivo fiscal para a economia do estado. Disse ainda que o Governo Federal tem recursos de mais de R$ 600 milhões para o Rio de Janeiro. “Temos que nos preparar para utilizar esses recursos. Sapucaia está andando na frente nesse quesito. Temos que acreditar e ir adiante. O prefeito e o município estão à disposição, assim como um técnico especialista em projetos, para sanar as dúvidas e auxiliar a quem desejar. Precisamos aquecer nossa economia e essa é uma grande oportunidade. Vamos continuar caminhando rumo ao desenvolvimento de Sapucaia”, disse.

Estiveram presentes no evento, além dos produtores rurais, o assessor de Segurança Pública, Odemilson Ferreira Marques; o secretário de Cultura, Esporte e Lazer, Henrique Samuel; o secretário de Transporte, André Esteves; e os vereadores Regina Alípio e Sérgio Jardim.

 

 

Comunicação PMS

Fotos: Sindiclei Baião